"PORQUE ONDE ESTIVER O TEU TESOURO, ALI ESTARÁ O TEU CORAÇÃO". Mt 6,21

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Jesus nunca fez distinção de pessoas e nos ensinou a não fazermos.

Papa Francisco chama de família e parabeniza casal gay que batizou os filhos na Igreja Católica

Jesus Cristo nunca fez distinção de pessoas. Em seu tempo, muitos se assombravam e murmuravam por suas atitudes. Nós, cristãos, devemos amar como Jesus amou, porque não conhecemos a vida de cada pessoa, somente Deus. E porque Jesus Cristo não é propriedade do cristão, seu Santo Espírito sopra onde quer. Foi da boca de Cristo que saiu que as prostitutas nos precederão no Reino dos Céus. Em nada pode ferir a Igreja as atitudes que nos chamam à fraternidade, à compreensão, ao respeito, ao amor ao próximo. Se respeitarmos a Lei do Amor, estaremos respeitando o que Cristo no deixou e pediu: "Amai-vos, uns aos outros como eu vos amei". 
Se alguém não concorda, deve procurar nas citações bíblicas, o que Jesus ensina a respeito. 
Por isso, não me escandalizo com o Papa Francisco, porque desde que ele se tornou o Pontífice, entendi que os tempos eram outros e que havia a necessidade de um Papa que pudesse abrir um pouco mais os braços. A Igreja é Mãe e como Mãe acolhe. 
Amo e respeito nossos Santos Padres, e em especial, Bento XVI porque entendeu que a Igreja precisava dessa compreensão, desse diálogo que o Papa Francisco consegue com pessoas que pensam e agem diferente de nós. 
Como cristãos, sigamos nosso caminho, firmes na fé, porém, com os olhos fitos no Pai que nos criou e nos ama a todos, sem distinção. A Ele cabe julgar; a nós, cabe amar e respeitar. 
Nenhuma regra foi violada, nenhuma norma deturpada, apenas, o Santo Padre soube respeitar e acatar a vontade daqueles pais e deixar que Deus aja na vida deles. Se, parabenizou a família, foi porque assim eles se consideram. 
Deus se incumbirá de inspirá-los ao bem; e nós, de pedir, a cada dia, que Deus aumente, em nós, a caridade para sermos capazes de compreender, de não espalhar, de não ferir, de não julgar.


http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/papa-francisco-chama-de-familia-e-parabeniza-casal-gay-que-batizou-filhos-na-igreja-catolica/

Nenhum comentário: